Festas da Culatra: Património Cultural Imaterial

Festa da Nossa Senhora dos Navegantes: quando imagens e gentes fazem uma romaria sobre as águas

“Uma surpresa entre os resultados do Orçamento Participativo Portugal (OPP), divulgados na quinta-feira, 14 de setembro, é a aprovação do projeto «Festa da Nossa Senhora dos Navegantes: quando imagens e gentes fazem uma romaria sobre as águas», proposto por Carla Almeida, que arrecadou 150 votos e um apoio de 50 mil euros. «Se tivesse ganho uma bolsa da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia não estaria tão contente», confidenciou ao «barlavento» a autora da proposta, docente e investigadora da Universidade do Algarve (UAlg). E explica porquê: «quando cheguei à região, há 30 anos, na primeira vez que lecionei, dei aulas na telescola, na Culatra. Nessa altura, não havia água, nem luz, nem coisa alguma. Era uma vida bem dura. Lembro-me da primeira greve dos culatrenses às eleições, nos anos 1980. Desde então, sempre fiquei com vontade de, um dia, fazer alguma coisa por esta comunidade que me ficou cá dentro», contou ao «barlavento».

A candidatura ao OPP surgiu por sugestão da Direção Regional de Cultura do Algarve «que está muito interessada em que haja novos registos de Património Cultural Imaterial (PCI) da região». Aliás, inscrever as festas religiosas dos pescadores da Culatra na Direção-Geral do Património Cultural, segundo as normas da UNESCO, é um dos principais objetivos a realizar.”

Excerto retirado da notícia do Jornal Barlavento:

Artigo – Jornal Barlavento

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s